Participe das Iniciativas

O SulAmérica Saúde Ativa foi feito para você! Por isso trazemos iniciativas
para uma vida mais saudável, que oferecem cuidados por completo.

Iniciativa desejada

Dados pessoais

/ /
-
*Campos obrigatórios

As Iniciativas Saúde Ativa estão disponíveis para os Segurados SulAmérica Saúde. Para conhecê-las, clique em Pra Você > Iniciativas.

Se preferir, entre em contato via e-mail saudeativa@sulamerica.com.br ou pela Central de Atendimento
SulAmérica 0800-970-0500 para tirar suas dúvidas ou participar da iniciativa.

Recebemos seu interesse em participar do Saúde Ativa! Em breve entraremos em contato.
OK

Matérias



Quando o estresse se torna um perigo à saúde Estresse

Home > Matérias > Estresse > Quando o estresse se torna um perigo à saúde

 Pode soar estranho, mas o estresse faz parte de um mecanismo biológico fundamental para a sobrevivência humana. Sem ele, nossos antepassados não teriam resistido às ameaças de predadores e outras situações de perigo.

  Isso porque, em momentos de tensão, o organismo libera uma série de hormônios, como adrenalina e cortisol, que entre diversas funções, elevam a frequência cardíaca, a pressão arterial e a energia corporal, preparando o corpo para a “fuga” ou o “combate”.   

  Hoje em dia, não enfrentamos mais animais selvagens, mas com certeza lidamos com diversos outros desafios, como cumprir prazos no trabalho, pagar contas, cuidar dos filhos, etc. - situações estressantes que fazem com que o corpo se mantenha em um estado de alerta permanente, como se estivéssemos enfrentando uma verdadeira situação de vida ou morte.

  Em longo prazo, esse processo interfere no funcionamento adequado do organismo e pode levar ao enfraquecimento do sistema imunológico e ao desenvolvimento de diversas doenças, como as do coração, obesidade e até depressão.

 

Ser capaz de reconhecer os sintomas do estresse pode ajudar a gerenciá-lo melhor. Conheça a seguir os efeitos do estresse no corpo:

 

Efeitos físicos:

  • Dor de cabeça;

  • Tensão muscular;

  • Dor no peito;

  • Cansaço;

  • Mudanças no desejo sexual;

  • Dores no estômago;

  • Insônia ou dificuldades para manter um sono de qualidade.



Efeitos no humor:

  • Ansiedade;

  • Inquietação;

  • Falta de motivação ou foco;

  • Sensação de estar sempre sobrecarregado;

  • Irritabilidade ou raiva;

  • Tristeza.


Efeitos sobre o comportamento


  • Explosões de raiva;

  • Abuso de drogas ou álcool;

  • Uso de tabaco;

  • Isolamento social;

  • Sedentarismo.

 

Controle seu estresse, antes que ele controle você

 

Se você está sofrendo com o estresse, é importante buscar formas de gerenciá-lo o quanto antes. A seguir, veja algumas dicas que podem ser úteis:

 

  • Identifique quais são os gatilhos que desencadeiam o seu estresse. É o trabalho? Os estudos? Ao descobrir as causas, será mais fácil buscar soluções;

  • Exercite-se! Os exercícios físicos liberam substâncias capazes de gerar sensações de prazer e bem-estar, espantando o estresse;

  • Invista em atividades relaxantes, como a meditação e o yoga – comprovadas cientificamente como ferramentas poderosas que acalmam a mente e diminuem os níveis de estresse;

  • Estabeleça um momento do dia para cuidar de você mesmo e praticar seus hobbies.

 

Se mesmo assim você continuar a se sentir estressado, busque ajuda de um psicólogo ou psiquiatra.

Voltar