Participe das Iniciativas

O SulAmérica Saúde Ativa foi feito para você! Por isso trazemos iniciativas
para uma vida mais saudável, que oferecem cuidados por completo.

Iniciativa desejada

Dados pessoais

/ /
-
Iniciativa disponível para algumas localidades
*Campos obrigatórios

As Iniciativas Saúde Ativa estão disponíveis para os beneficiários SulAmérica Saúde e a participação está sujeita às condições de elegibilidade. Para conhecê-las, clique em Pra Você > Iniciativas.

Se preferir, entre em contato via e-mail saudeativa@sulamerica.com.br ou pela Central de Atendimento
SulAmérica 0800-970-0500 para tirar suas dúvidas ou participar da iniciativa.

Recebemos seu interesse em participar do Saúde Ativa! Em breve entraremos em contato.
OK

Matérias



Tempo Seco? Hidrate-se Bem Estar

Home > Matérias > Bem Estar > Tempo Seco? Hidrate-se


Mais do que as madrugadas frias, o inverno traz consigo a baixa umidade do ar e o tempo seco. Essas características, típicas do período, podem causar incômodos que vão desde o ressecamento da pele até o
agravamento de problemas respiratórios.
1 (3)
É comum que algumas doenças respiratórias surjam com mais frequência e que condições crônicas piorem durante os meses mais frios. Gripe, sinusite, rinite, infecção de garganta e asma estão entre os “problemas da estação”. Não há nenhum segredo para minimizar essas complicações; ao contrário, a receita é simples: hidrate-se e tome alguns cuidados.
SA_Tempo-seco_Hidrate-se_BOX

A pele também exige cuidados, já que o tempo seco causa ressecamento excessivo e pode provocar ou agravar dermatites, psoríase e ictiose. Então, além de beber bastante água, você pode:

 2 (3)

Utilizar creme hidratante (adequado para seu tipo de pele) com frequência.

 

Usar protetor labial e protetor solar mesmo nos dias frios.

 

Evitar banhos longos, quentes e com esponjas ásperas e apostar em banhos rápidos, com água morna (quase fria) e sabonete neutro.

 
3 (3)

Além de afetar o sistema respiratório e a pele, o inverno também pode acarretar problemas nos olhos. Entre 15% e 20% da população mundial sofre com alergia ocular, segundo o Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO), e nesse período, em que soma-se o tempo seco ao acúmulo de poluição e poeira no ar, a propensão a desenvolver alergias oculares aumenta. Mas é possível prevenir.




4 (3)
Se você usa lentes de contato, além de lubrificar é importante diminuir as horas de uso e optar pelos óculos.

 
Evite coçar os olhos.

 

                              Mantenha o ambiente limpo.

 

5Ao limpar a casa, dê preferência para aspirador de pó ou pano molhado, em vez de vassoura ou espanador.

 

Evite objetos que acumulam pó.

 

Lave casacos e cobertores antes de usá-los.


                             Encape colchões e travesseiros com material antialérgico ou impermeável e lave-os com maior frequência.

 

Se mesmo com todos esses cuidados você desenvolver algum problema de saúde ligado ao tempo seco não se automedique, procure um profissional para diagnosticar e indicar o tratamento adequado. Conheça também a iniciativa Doenças Crônicas do programa Saúde Ativa e conte com as orientações dos nossos profissionais. 

 


Artigos relacionados:
Doenças respiratórias de inverno
Cuidados com a pele no inverno
Alergia ocular: um problema comum no inverno
 
Fonte: Ministério da Saúde
 

Voltar